ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA SUSPEITA DE FURTO DE GADO É PRESA PELA PCMG

Com o objetivo de prender todos os integrantes de uma organização criminosa responsável por furtos de gados, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) realizou a operação Rei do Gado, em Pirapora, no Norte de Minas. A ação resultou na prisão de quatro adultos e na apreensão de dois adolescentes.

As investigações tiveram início após policiais civis receberam a informação de que quatro bois Nelores haviam sido furtados, na madrugada de quinta-feira (13), na cidade de Ibiaí. Contudo, os investigadores já estavam monitorando uma suposta quadrilha que atuava na região e, em razão disso, descobriu-se que foram esses os responsáveis por subtraírem o gado.

Assim sendo, os policiais se deslocaram a um sítio situado no bairro São Geraldo, em Pirapora, onde foram presos três adultos e apreendidos dois adolescentes. Durante as diligências, a PCMG também prendeu outro envolvido. Além disso, foi possível recuperar os quatro Nelores que foram furtados em Ibiaí.

Foram apreendidas uma caminhonete Frontier, um caminhão boiadeiro F1000, supostamente usado no furto do gado, duas motos, dois carros, uma arma de fogo calibre .28 usada para a prática dos crimes, duas réplicas, sendo uma de pistola e uma munição calibre .22. O dono dos dois primeiros veículos é conhecido como “Véi”.

No local, também foi localizado dois freezers que eram usados para armazenar carnes de gados mortos nas fazendas. A Polícia Civil entrou em contato com a vítima de Ibiaí e restituiu o gado a ela. Outros gados foram encontrados, contudo, não se sabe precisar qual a origem deles.

De acordo com o Delegado Jéferson Leal da Silva, responsável pelas investigações, é importante que quem teve gado furtado na região procure a Delegacia de Polícia Civil em Pirapora para informar o ocorrido.

By:Miradouronoticias.com.br/PCMG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *