POLÍCIA FEDERAL FAZ OPERAÇÃO PARA PRENDER 10 DEPUTADOS ESTADUAIS NO RIO DE JANEIRO

Parlamentares são suspeitos de terem recebido um ‘mensalinho’ oriundo de superfaturamento de contratos, para apoiar o ex-governador Sérgio Cabral

Jorge Picciani é levado para depor na sede da PF

Jorge Picciani, presidente da Alerj, é levado para depor na sede da Polícia Federal, no centro do Rio, durante a Operação Cadeia Velha – 14/11/2017 (Reginaldo Pimenta/Raw Image/Folhapress)

Polícia Federal realiza, na manhã desta quinta-feira 8, a operação Fuma da Onça. Há 22 mandados de prisão – dez deles contra deputados estaduais – e 47 de busca e apreensão. Os nomes não foram divulgados até o momento.

Segundo a PF, o objetivo é investigar “a participação de deputados estaduais do Rio de Janeiro em esquema de corrupção, lavagem de dinheiro e loteamento de cargos públicos e mão de obra terceirizada em órgãos da administração estadual”.

A ação é a segunda fase da operação Cadeia Velha, deflagrada em novembro de 2017, quando foram presos o presidente da AlerjJorge Picciani, e os deputados estaduais Edson Albertassi e Paulo Melo, todos do MDB.

By: Miradouronoticias,com/ Fonte: Veja

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *